Os efeitos da pandemia no empreendedorismo do Brasil têm sido significativos. Nesse post, vamos falar sobre isso!

Em meio à crise trazida pela pandemia, o Brasil registrou o maior número de empreendedores de sua história, com pelo menos 1,4 milhão de novas empresas até o mês de junho, segundo dados do Sebrae.

Por mais controverso que pareça ser, a verdade é que esse aumento é um reflexo da pandemia, afinal, o alto nível de desemprego fez com que as pessoas buscassem uma nova fonte de renda no empreendedorismo.Nesse meio, os números de microempreendedores (MEI) surpreendem: até o mês de setembro, foi registrado um crescimento de 14,8% no número de MEIs, comparado ao mesmo período de 2019. Agora, o Brasil conta com aproximadamente 10,9 milhões de microempreendedores.Então, é possível dizer que o empreendedorismo atual está caminhando para novos destinos e esses impactos provavelmente serão muito relevantes para o país.

Fale Conosco

Ligue para nós